sexta-feira, 30 de julho de 2010

JAILSON DE MORAIS - CAMPEÃO DE DERROTAS


JAILSON MORAIS, conhecido popularmente por NENEN DE DETINHO, natural de Apodi-RN, nascido a 22 de julho de 1967. Filho de José Felix de Morais e de Maria José de Morais. Professor de educação física da Prefeitura Municipal de Apodi, desde 1995, ensinando na Escola Municipal “Professora Maria de Lourdes. Trabalha na Escolhinha de Futsal com 150 alunos, no Ginásio “Vilson Diógenes” e na ACDA. Ele tem o maior prazer de ensinar diariamente as criança, começando logo pela manhã e terminando as 21 horas. Muitos dessas crianças subiram para a categoria adulta, participando dos campeonatos locais, com destaque para a Copa Municipal. A maior revelação trata-se do meio campista VICTOR WALLAS PAIVA TORRES, natural de Apodi, nascido em 15 de janeiro de 1994, filho de FRANCISCO EDSON TORRES, nascido em 8 de junho de 1975, filho de Antonio Jardim Torres e de Francisca Gomes Torres; e de MARIA VANUSIA OLIVEIRA PAIVA, natural de Apodi, nascida em 16 de janeiro de 1983, filha de Levi Fernandes de Paiva e de Maria do Socorro de Oliveira, começou no UNIVAP, com 13 anos de idade, posteriormente, foi para o ABC de Natal, América e Moura Esporte de Natal. Da capital espacial do Brasil foi para o interior de São Paulo, mas precisamente para o Esportivo Brasil de Barueri e joga de atacante.
Jailson Morais Ingressou na política em 1992, quando em 3 de novembro tentou, pela primeira vez tentou chegar na Câmara Municipal, conquistando 77 votos, pela legenda do PDS. Em 3 de outubro de 1996, tentou novamente a se eleger vereador, dessa vez obteve 318 votos, pela mesma legenda. Quase chega lá, porém, se essa grande quantidade de voto foi bom para Neném, porém, pelo outro lado foi ruim, os donos da política apodiense, com medo dele chegar no Poder Legislativo, no pleito eleitoral realizado em 1º de outubro de 2004, compararam seus votos, registrando uma baixa em seu eleitorado, diminuindo para 252 votos. Em 3 de outubro de 2004, Nenen pela quarta vez, tenta ser parlamentar municipal, porém, sem êxito Naquele pleito, Jailson deixou de apoiar os candidatos dos bicudos, passando a apoiar os bacuraus, através do candidato vitorioso, Dr. José Pinheiro – Coligação “UNIDOS PARA VENCER”, e obteve apenas 94 votos. No último pleito eleitoral municipal realizado em 5 de outubro de 2008, Nenen obteve apenas 52 votos, a pior derrota de todas já sofridas. Ele apoiou a coligação “EU ACREDITO”, com os candidatos Flaviano Monteiro e Zé Maria, derrotados por Gorete Pinto e Evandro Marinho. Se o povo apodiense soubesse, no mínimo escolher bem seus representantes na Câmara Municipal, com certeza já teria elegido esse grande batalhador pelo esporte apodiense. Ele é recordista de derrotas políticas em Apodi, talvez do Brasil, como a pessoa que nunca conheceu o sabor de uma vitória política. Já disputou cinco eleições e jamais obteve uma vitória. Confira suas derrotas: 1ª - 03/10/1992, com 77 votos; 2ª - 03/10/1996, com 318 votos; 3ª – 01/10/2000, com 252 votos; 4º - 03/10/2004, com 94 votos; e 5ª – 05/10/2008, conquistou apenas 52 votos. O eleitor apodiense precisa aprender a votar, votando em candidatos que tenha uma cultura legal e com certeza Jailson, não desprezando os demais é um homem culturalmente. APODI SE LIGUE!!! “UM POVO SEM CULTURA É UM POVO SEM IDENTIDADE”. Elegem-se pessoas analfabetas e individualistas porque não eleger pessoas voltadas para a educação e cultura. No último pleito eleitoral vários professores estavam na disputa eleitoral e nenhum deles foi vitorioso. Uma pena! Ainda acredito na educação e cultura apodiense.

Nenhum comentário:

Postar um comentário